quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

:: Composição - Algumas considerações ::

Composição - Algumas considerações

Durante estes meus sete longos anos de universidade (Sim! E ainda - pasmem- não me formei) eu sempre ouvia meus professores falarem que é muito importante que eu escreva sobre minha prática. Claro, eles se referiam a pratica em sala de aula já que eu sou professora. Ultimamente, tenho me sentido um tanto quanto mais cantora e compositora do que professora e ainda não escrevi nem um pouquinho sobre como é essa coisa de fazer música. 
Decidi então, num lapso criativo, escrever um pouco sobre composição. Não que eu me julgue uma excelente compositora, mas gostaria de repassar o que tenho aprendido nesses 12 anos compondo diversas canções e, talvez, encorajar alguém que não se ache bom o suficiente para escrever músicas ou poemas.
O primeiro aprendizado que tive foi justamente este : não tenha medo. Ainda que as primeiras estrofes saiam bem ruins, se você nunca as fizer nunca irá para o próximo nível!

É comum no início para qualquer um de nós cair na tentação de rimar amor com: dor, fervor, libertou etc. Rimar paixão com coração, rimar fazer com querer etc, etc, etc.... Talvez não fique bom! E tudo bem! Você precisará deixar essa música passar ou talvez reescrevê-la daqui a algum tempo mas, não deixe de escrever.

O primeiro aprendizado puxa logo o segundo: comece a PENSAR no que você está dizendo. É muito importante que você faça perguntas a si mesmo sobre a sua letra. Tais como: 
Essa letra soa verdadeira para o ouvinte?
Será que existe algum grau de complexidade na construção destas frases?
Que palavras eu posso substituir para enriquecer o vocabulário da música sem que fique "cult" demais.
O que eu estou escrevendo tem base bíblica? ( No caso de músicas Cristãs, claro) 
E ainda existem muitas outras....

Outra coisa que aprendi nessas aventuras da composição é que o refrão é uma parte muito significativa. Ele resume a ideia da mensagem expressa nas estrofes! Por esta razão o refrão precisa ser muito bem pensado. Ele tem o poder de derrumar ou levantar uma música. Por isso você precisa estar ciente da mensagem que sua música traz para, então, fazer a síntese no refrão.  Existem por aí muitas músicas com lindas estrofes, porém com refrões mal construidos. 
Pense que a sua canção é um quebra-cabeças e você precisa montá-lo corretamente. 
Não tenha preguiça de pensar, fazer e desfazer. Eu agora mesmo posso pegar o violão e "inventar uma música" mas a boa música é pensada, construída e inspirada.

A inspiração.... Ah... A inspiração...... Esse tópico é o mais importante do texto. Existem dias em que tento compor, faço tudo certinho, mas a música não sai por nada. São dias sem inspiração.... Respeite isso e você será mais feliz. Espera o dia seguinte, ou o outro, ou até mesmo a semana seguinte. Eu te garanto, uma hora a inspiração vem! 
Eu costumo seguir a inspiração a qualquer hora. As vezes vem uma frase no ônibus. Eu fico cantando e gravo no celular. Dias depois torno a ouvir aquela gravação e termino a estrofe e as vezes depois de uns dois meses vem o resto da canção e enfim eu a completo.  Algumas vezes, porém, a inspiração vem como uma tempestade dentro de mim no meio da madrugada... Corro para o teclado e como em um download vem a música todinha....quase perfeita, precisando só de um ajuste aqui ou ali. A inspiração é alimentada pelo pensar sobre as coisas do alto. Pensar e contemplar a beleza de Deus. Meditar nos salmos ou em alguma palavra profética. Mantenha sua mente cheia de letrinhas da bíblia e passe isso para as suas canções! 

O último tópico desta breve lista não exaustiva de dicas de uma compositora aprendiz é o seguinte... Crie uma harmonia que comporte a sua letra ou uma letra que comporte a melodia que você já fez.  Muitas vezes primeiro vem uma melodia em minha mente e depois eu componho uma letra para acompanhá-la. Porém, na maioria dos casos faço as duas coisas juntas. Vou construindo letra e canção como duas irmãs gêmeas de mãos dadas. Ainda estou aprendendo música e ainda não sei muitos termos técnicos ( é quando peço ajuda dos meus amigos sinistros) mas uma coisa eu sei... O acorde deve expressar a emoção da palavra. A melodia, o compasso tudo dentro de uma partitura deve seguir harmoniosamente para a construção da ideia proposta. Lembro-me de quando estávamos compondo a canção "Deixa Queimar" e a frase cantada era a seguinte: Vou permanecer em Ti. Vou permanecer em Ti. Repetida duas vezes . Da primeira vez tocávamos o acorde Ré maior e na segunda vez iríamos mudar o acorde, mas logo eu pensei, que se a ideia é de permanência , deveríamos permanecer no mesmo acorde de Ré para construir essa ideia. Este é um exemplo de vários.... 
Sei que ainda existem muitas observações a serem feitas e perguntas a serem respondidas a cerca deste tema. Contudo espero ter ajudado alguns fiés leitores no tocante a composição de canções e poemas. Quem sabe me vem mais um lapso criativo e escrevo mais um pouco em um outro momento?! Rs 



6 comentários:

Cristiane Nogueira disse...

Bênção..... Eacreve sim ;)

Patrick Rocha disse...

Muito bom Dani! Eu componho também e sei como é... A inspiração não é como o cão que vem na hora que queremos, mas sim como um gato que vem na hora que quer. Vejo que realmente existe essa evolução de música pra música, e sei que com paciência chegamos no ponto certo.
Sou de Petrópolis do Projeto Semear da igreja do Pr Marlex, e suas canções estão sempre presentes no repertório da igreja!!

Patrick Rocha disse...

Muito bom Dani! Eu componho também e sei como é... A inspiração não é como o cão que vem na hora que queremos, mas sim como um gato que vem na hora que quer. Vejo que realmente existe essa evolução de música pra música, e sei que com paciência chegamos no ponto certo.
Sou de Petrópolis do Projeto Semear da igreja do Pr Marlex, e suas canções estão sempre presentes no repertório da igreja!!

Unknown disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ruan Bass disse...

Excelente minha amiga,respeitar os processos é fundamental... Suas músicas tem abençoado uma geração, e sua experiência em compor vai ajudar a formar uma boa safra de compositores... Continue,permaneça,será muito para nós ouvintes!

Ruan Bass disse...

Excelente minha amiga,respeitar os processos é fundamental... Suas músicas tem abençoado uma geração, e sua experiência em compor vai ajudar a formar uma boa safra de compositores... Continue,permaneça,será muito para nós ouvintes!

Postar um comentário